Registro em Time lapse para obras e construções.

Nós criamos a memória de seu empreendimento.

A Jugular é uma produtora especializada em fazer registros visuais usando o timelapse. Procuramos aperfeiçoar todas as práticas, e oferecemos diversos tipos de equipamento, afim de podermos atender todas as demandas de acordo com cada particularidade. Fazemos time-lapse para obras de pequeno, médio e grande portes, sempre apresentando alta qualidade e excelência. Leia abaixo alguns diferenciais:

Os equipamentos da Jugular são PENSADOS para o uso em longa duração e para que fiquem estáticos.

 

Veja abaixo a construção modular de múltiplos andares que está dando vida ao URBIC, empreendimento na Vila Mariana, São Paulo (imagens gentilmente cedidas pelo cliente). Vídeo gerado automaticamente pelo Time-Lapse MINI.

Abaixo, exemplos de time-lapse com múltiplas câmeras DSLR, obra em steel-frame que fez parte da Cidade Olímpica, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro:

As câmeras da Jugular se diferenciam das câmeras IP de circuito interno e das chamadas action-cameras, como por exemplo a GoPro, pois temos variedade de lentes para todos os nossos equipamentos de time-lapse.

Video timelapse realizado para documentar obra marítima.

Trecho time-lapse com múltiplas câmeras criado para a SVM/Petrobras

O sistema de fixação da Jugular diminui exponencialmente a possibilidade da câmera mexer, e o equipamento permite ajustes finos da imagem, ampliando a latitude de seu uso. Você terá orgulho ao mostrar o timelapse de sua obra!

O que diria Oscar Niemeyer se visse este documento videográfico de seu lindo projeto para a Fundação Getúlio Vargas, no Rio de Janeiro?

Documentar obras marítimas também faz parte do leque de expertises da Jugular Filmes. Nossas câmeras são blindadas contra intempéries, resistem ao sol e à chuva.

Veja abaixo o filme feito na Ilha Comprida, Baía da Guanabara, Rio de Janeiro. O equipamento foi exposto a todo tipo de estresse, como maresia, chuvas, ventos fortes, tempestades:

O time-lapse é usado em uma diversidade de aplicações, como obras de saneamento. Vídeo da construção do aterro sanitário em Seropédica, no Rio de Janeiro, feito com 3 câmeras e intervalo de 8 minutos entre as fotos:

Se podemos mostrar construções, as demolições também ficam ótimas quando captadas utilizando-se a técnica do time lapse. Neste exemplo, foi utilizada uma Nikon de 16 megapixels com uma tele-objetiva de 300mm:

Falando em demolição, que tal um vídeo que mostra uma fruta em decomposição? Aqui, a lente utilizada foi um 50mm numa câmera Pentax:

Maçãs em decomposição com soterramento em seguida.

Também tem um vasto uso para a produção de trabalhos criativos, como esta sequência de abertura do filme “Cafuné”, de Bruno Viana. A forma como as fotos foram editadas conferiu transições suaves de um frame ao outro, criando um movimento fluido e agradável de se assistir:

No filme Daan Daan, de Laura Faerman, uso criativo transformando fotografias em animações:

E o Rio de Janeiro? Continua lindo!